Blog

25/06/2020

Oito benefícios do Vinho

 

Por Gleybia Gomes

Apreciador ou não desta bebida tão antiga, que tem grande importância histórica, o Vinho, além de aliado ao paladar, é muito conhecido por suas funções terapêuticas. O Rancho Bom resolveu investigar mais a fundo esta questão e o que descobrimos é que existem oito benefícios do vinho comprovados pela ciência. 

Segundo estudos uma taça da bebida tem muito mais a oferecer do que se costuma imaginar. Ressaltamos que as vantagens se aplicam ao consumo regular de uma pequena quantidade de vinho. É claro, que ingerido desenfreadamente qualquer bebida com teor alcoólico pode converter em malefícios ao organismo. 

  • Bom para a memória

Segundo estudos realizados em Berlim - Alemanha, por cientistas da Charité University,o consumo de vinho melhora a memória a curto prazo. O motivo é a função antioxidante presente na bebida. O Restanol, aumenta as conexões entre as áreas do cérebro responsáveis pela memória. Foi observado nesta pesquisa uma redução de açúcar  no sangue das pessoas que participaram da pesquisa. 

  • Previne o câncer

 Pesquisas de laboratório apontam que algumas substâncias presentes no vinho, como o resveratrol e a quercetina, podem apresentar efeito anticancerígeno. As informações vão ao encontro de um estudo realizado pelo Nancy Study Center (França), cujo resultado indica que o consumo moderado de vinho ajuda a diminuir os riscos de morte prematura causada por diversos fatores, em especial pelo câncer digestivo.

  • Combate à obesidade

O ácido elágico, presente no vinho tinto, ajuda na diminuição das células de gordura, resultando em um maior controle de peso, segundo pesquisas realizadas em Harvard University.  Este ácido ajuda a transformar “gordura branca”, a conhecida gordura ruim, em “gordura marrom”, considerada gordura boa. 

  • Age contra a depressão

Uma pesquisa na Universidade de Navarra (Espanha) conduziu uma pesquisa investigativa sobre os efeitos do vinho em consumidores e apontaram que quem consome de duas a sete taças pequenas de vinho por semana, geralmente durante as refeições, está 32% menos propenso a sofrer de depressão, em comparação com pessoas que não ingerem a bebida.

  • Aumenta a libido

Um estudo da Università di Firenzi (Itália),Mulheres que bebem mais de duas taças de vinho por dia apresentam melhora sexual conforme  o estudo desenvolvido pela Università di Firenzi( Itália). Em relação aos homens, pesquisa aponta que o uso moderado da bebida aumenta os níveis de testosterina que também influenciam na qualidade sexual. 

  • Reduz riscos de diabetes tipo

Uma das características da diabetes tipo 2, é a resistência à insulina, que pode ser diminuída com o consumo do vinho. Isso ocorre devido à ação dos flavonoides presentes na composição da bebida, segundo pesquisa avaliativa do efeito das substâncias no metabolismo da glicose no organismo de mulheres. 

  • Proporciona longevidade

Conforme mencionado em pesquisa desenvolvida no Texas, quem consome vinho frequentemente ou mesmo de vez em quando, tem riscos de mortalidade reduzidos em relação a quem não ingere a bebida. Os efeitos são maiores quando não há consumo de tabaco e existe prática de atividades fixas. 

 

 

COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a comentar sobre este artigo.

Deixe seu comentário


Importante: Seus dados de contato não serão divulgados
confira nosso
tabloide de ofertas